sexta-feira, junho 29, 2007

Maçã verde de bolso à venda

Ele é elegante, ele é touchscreen, ele é bonito, porém, ele é totalmente fechado, usa software 100% proprietário, é caro, só funciona dentro de uma rede exclusiva, não permite desbloqueio, e mesmo que desbloqueiem, nunca irá funcionar. Ele é isso tudo mesmo, mas é o iPhone, um super-ultra-mega-lindão-tchururu-telefone celular. O treco é prá lá de proprietário, totalmente vendido "casadamente", mas eu quero um também, eu e mais uns 25 milhões que estão na lista de espera. Pois é, Seteve Jobs prova que o mundo pode sim pagar por um software ou por um serviço, e caro, mas desde que eles funcionem bem.

A moda não corre o risco de pegar, pois um Microsoftphone certamente daria muita tela azul ou travaria, basta ter uma prévia disso nos celulares movidos a Windows Mobile. É osso!
Postar um comentário